Páginas

sexta-feira, 11 de maio de 2018

Kennedy Center em Washington suprime distinções dadas a Bill Cosby

O Kennedy Center anulou dois prêmios outorgados a Bill Cosby, visto aqui na sala de espetáculos para receber o 12º Prêmio Mark Twain anual de humor americano em 2009, em Washington.

O Centro Kennedy anunciou no dia 07 de maio que anulou dois prêmios importantes concedidos anteriormente ao ator Bill Cosby, após o comediante ser declarado culpado de agressão sexual.

A decisão chega dias depois de Cosby ter sido expulso da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, que outorga o Oscar. Também foi despojado de vários títulos honorários.

Cosby obteve as honras do Kennedy Center em 1998 e o Prêmio Mark Twain de humor americano em 2009.

"Os prêmios Honors e Mark Twain são concedidos a artistas que, durante toda a sua vida de trabalho, deixaram um impacto indelével na cultura americana", disse a prestigiosa sala de artes cênicas em um comunicado.

"Como resultado da condena penal recente do Sr. Cosby, a junta concluiu que suas ações eclipsaram as conquistas profissionais que estas distinções do Kennedy Center pretendem reconhecer", afirmou.

Cosby, que foi uma figura querida da televisão americana, foi acusado de agressão sexual por dezenas de mulheres.

Um júri da Pensilvânia formado por 12 pessoas considerou o ator, de 80 anos, culpado de três acusações de agressão sexual por drogar e se aproveitar de Andrea Constand em sua mansão da Filadélfia em janeiro de 2004. Seus advogados disseram que apelariam da decisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário