Páginas

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Vale-refeição acaba antes do fim do mês para 81% dos funcionários

Quando o cartão fica sem saldo, 50,98% dos trabalhadores escolhem restaurantes mais baratos e pagam com seu próprio dinheiro.

Oito entre dez trabalhadores veem seu vale-refeição terminar antes mesmo do final do mês. O levantamento realizado pela Sodexo Benefícios e Incentivos com 1.186 pessoas mostra que 81,51% delas dizem que o valor paga pela empresa não é suficiente.

Entre os motivos para que o benefício não dure até fim do mês, 42,81% declaram que o valor que recebem de seus empregadores como benefício refeição é baixo, enquanto 40,5% dos entrevistados apontam como causa os preços elevados das refeições próximas ao local de trabalho. Outros 16,68% reconhecem que utilizam o benefício nos finais de semana.

Quando o cartão fica sem saldo, 50,98% dos trabalhadores escolhem restaurantes mais baratos e pagam com seu próprio dinheiro. Já 40,92% optam, nesses casos, por levar marmita para o trabalho, e 6,35% abrem conta no restaurante e pagam quando recebem novamente o benefício. Do total, apenas 1,75% pede para um amigo pagar suas refeições até receberem o benefício.

Para os 18,49% de respondentes para os quais o benefício dura até o final do mês o saldo dura porque buscam comer sempre em restaurantes mais baratos (59,91%).

Segundo Fernando Cosenza, diretor de Sustentabilidade da Sodexo, a pesquisa confirma dados já conhecidos. “Diante do cenário, o usuário do benefício refeição deve gerenciar seu saldo de uma forma mais consciente, lidando com o valor do seu benefício da mesma forma que ele lida com o seu saldo bancário. Buscar o melhor custo benefício na refeição também é importante”, comenta o Diretor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário