Páginas

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Fed mantém juros nos EUA, mas deve elevá-los em dezembro

A sede do Federal Reserve, em Washington.

O Federal Reserve (Fed), o banco central americano, decidiu no dia 02 de novembro manter a taxa básica de juros do país, que atualmente estão em um intervalo entre 0,25% e 0,50%. Na decisão, em contrapartida, o Fed sinalizou fortemente que pode elevar os juros em dezembro, já que a economia do país tem ganhado fôlego e a inflação, acelerado.

“O comitê julga que a hipótese de um aumento dos ‘Fed Funds’ (os juros americanos) continuou a se fortalecer, mas decidiu, por enquanto, esperar por mais evidências de progresso contínuo em direção a seus objetivos”, disse o Fed em comunicado após a reunião de dois dias.

O comitê de definição da taxa de juros do Fed disse que a economia se fortaleceu e que os ganhos de emprego continuaram sólidos. Os formuladores de política da autoridade monetária também expressaram mais otimismo de que a inflação está se movendo na direção da sua meta, de 2% ao ano.

A crescente confiança do Fed de que os preços estão aumentando refletiu-se em sua visão de que “a inflação aumentou um pouco desde o início deste ano”. As presidentes do Fed de Kansas City, Esther George, e do Fed de Cleveland, Loretta Mester, divergiram da decisão desta quarta-feira em favor de uma alta imediata. Elas ficaram entre três integrantes do Fed que discordaram na última reunião.

Essa foi a última decisão de política monetária antes das eleições presidenciais dos Estados Unidos. O Fed tem mantido os juros no atual patamar desde dezembro passado, quando elevou as taxas pela primeira vez em quase uma década.

Juros mais altos nos Estados Unidos tendem a atrair para lá investimentos hoje alocados em mercados emergentes, como o brasileiro. Mesmo com os retornos mais atrativos que conseguem nos emergentes, muitos investidores preferem abrir mão desse retorno em troca da segurança de aplicar seu recursos em títulos americanos, considerados virtualmente imunes a calotes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário