Páginas

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Governo dos EUA define primeiros voos a Cuba em 50 anos

A United Airlines foi uma das empresas pré-selecionadas.

Dez cidades americanas, entre elas quatro na Flórida, foram aprovadas preliminarmente como ponto de partida para futuros voos comerciais a Havana, suspensos há mais de 50 anos, informou no dia 07 de julho o Departamento de Transporte.

A capital cubana receberá voos dos aeroportos de Miami, Fort Lauderdale, Orlando e Tampa, na Flórida; Atlanta (Geórgia), Charlotte (Carolina do Norte), Los Angeles (Califórnia), Houston (Texas), Newark (Nova Jersey) e Nova York.

"Hoje demos outro passo importante para cumprir a promessa do presidente Barack Obama de nos relacionar com Cuba", disse o secretário de Transporte, Anthony Foxx, em comunicado. "Restabelecer o serviço aéreo regular tem o enorme potencial de reunir as famílias cubano-americanas e fomentar a educação e as oportunidades de empresas americanas de todo tipo."

Doze companhias aéreas dos EUA pediram permissão para operar esses voos. Dessas, já foram aprovadas Alaska Airlines, American Airlines, Delta Air Lines, Frontier Airlines, JetBlue Airways, Southwest Airlines, Spirit Airlines e United Airlines.

O Departamento de Transporte afirmou que espera tomar uma decisão definitiva no fim do verão do hemisfério norte, em setembro, após o encerramento do período aberto para eventuais objeções.

Nenhum comentário:

Postar um comentário