Páginas

terça-feira, 8 de março de 2016

Incêndio atinge refinaria da Petrobras em Pasadena, no Texas, e fere um funcionário

Incêndio de grandes proporções, atinge a refinaria da Petrobrás, em Pasadena, no estado do Texas (EUA), no dia 05 de março.

Um incêndio de grandes proporções atingiu neste sábado a refinaria da Petrobras em Pasadena, no Texas, que tem capacidade para 100.000 barris por dia (bpd), informou a Guarda Costeira dos Estados Unidos. Uma porta-voz da Petrobras em Houston disse que não tinha informações de imediato sobre o incidente na refinaria. De acordo com a Petrobras, proprietária da refinaria desde 2006, um funcionário ficou ferido, mas recebeu atendimento médico e já foi liberado. A companhia não detalhou as possíveis causas do acidente ocorrido na Unidade de Hidrotratamento de Diesel, por volta de 13 horas no horário de Brasília.

Uma parte do canal de Houston foi fechada para navegação devido à fumaça proveniente do incêndio, segundo a Guarda Costeira. Uma explosão fez casas próximas à refinaria tremerem na área de Pasadena, nos arredores de Houston, pouco antes do incêndio, de acordo com a emissora local KTRK-TV, afiliada da rede ABC. A controversa aquisição da refinaria de Pasadena pela Petrobras, em 2006, é um dos alvos de investigação da operação Lava Jato, que apura um bilionário esquema de corrupção que envolve a estatal, empreiteiras e políticos.

Os investigadores da Lava Jato já disseram ter encontrado indícios de recebimento de propina por parte de ex-funcionários da Petrobras na operação de compra, e cogitaram até mesmo pedir a anulação da aquisição. A Controladoria-Geral da União (CGU) apontou perdas de 659,4 milhões de dólares da Petrobras na compra. Ao final do processo de aquisição, a estatal pagou 1,25 bilhão de dólares por Pasadena e ainda teve de fazer investimentos de 685 milhões de dólares em melhorias operacionais e manutenção.

A notícia do incêndio vem um dia após a estatal ter fechado a semana com valorização de 48%, fechando o pregão do dia 04 de março com alta de 9,89% para os papéis preferenciais e 9,54% para os papéis ordinários. A euforia vista nos papéis foi resultado da nova fase da Operação Lava Jato, que trouxe novos desdobramentos para o caso do "petrolão" após o juiz Sergio Moro ter pedido um depoimento coercitivo ao ex-presidente Lula.

Nenhum comentário:

Postar um comentário